Nós só podemos ver um pouco do futuro, mas o suficiente para perceber que há o que fazer. - Alan Turing
. .

TRILHA 1 – Intersecção teórico-metodológica entre Tecnologia (Filosofia da Tecnologia), Comunicação Social (mídia digital conectada) e Ciência Cognitiva (Neurociência, Engenharia, Ciência da Computação, Filosofia da Mente, Educação e Linguística)

Esta trilha, de caráter epistemológico, oferece as bases teóricas para fortalecimento e desenvolvimento científico do grupo.

TRILHA 2 – Sistemas inteligentes na mídia digital conectada com foco na produção do Jornalismo (Dados, metadados, semântica, adaptativos, IoT, APIs etc)

É a trilha de caráter empírico. Tem como objetivo construir agentes inteligentes na comunicação – especificamente, no jornalismo. Esse track valida empiricamente as questões epistemológicas-teóricas que estão contidas no TRACK 1.

TRILHA 3 – Simbiose entre Homem-Máquina (estudo de sistemas cognitivos que realizam troca de informação de forma simétrica).

Possui caráter de discussão “metafísico”. Indica “para onde vamos cientificamente”. Dialoga com o TRACK 1, mas sinalizando como será a comunicação através de dispositivos digitais conectados.